sábado, 15 de setembro de 2012

Conselhos - Luciana Cavalcanti


Conselhos...

Sossega, que o amor
há de ser sempre desassossegado.
Pois sucede que é seu proceder
seguir-se sempre indeterminado.
Há brilhos gêmeos em cada pupila.
Há uma imensa sede na boca.
Há uma fogueira acesa por onde quer
que vá o peregrino amador.
E não há explicação alguma...
Sossegue!


Luciana Cavalcanti - Março de 2010.

Nenhum comentário: