quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Oxalá me engane!


"Reconheci quanto havia de panaceia nas nossas doutrinas revolucionárias. A igualdade social há-de acabar por ser o nome duma constelação, a menos que o mundo dos oprimidos se não levante num ímpeto unânime, miraculosamente explosivo, e que para ser eficaz terá de ser consciente. E nestes termos, quando? A máquina, é certo, pode aliviar o escravo; remi-lo nunca. Estou em crer que o homem é fundamentalmente mau e que a luta de princípios não passa dum longo e fátuo escrever na areia. Oxalá me engane!"


Aquilino Ribeiro, in "Andam Faunos pelos Bosques"

Nenhum comentário: