sexta-feira, 3 de novembro de 2006

De Chão e pernas e pés...


Passos

Caminha.
Até te sentires, na busca, ridículo.
Até sentires como patético o insistir.
Até que te vejas malvisto.
Até que te digas maldito.
Até que te queiras malquisto.

Então, te sentirás distante,
Ou sentirás que és disperso?

Em êxtases de crença ou dúvida,
Caminha...
E sorve essências de absoluto, ínfimo
Ou nada
Até sentires o não-sentir.
______________________________________________
(05.09.2000) LAC

> O quadro é de Salvador Dalí...

Nenhum comentário: